• Jéssica Iancoski

Vicente de Carvalho - Poema Desiludida | Poesia Brasileira

Poema de Vicente de Carvalho "Desiludida".


Vicente Augusto de Carvalho foi um advogado, jornalista, político, abolicionista, fazendeiro, deputado, magistrado, poeta e contista brasileiro.


Ele nasceu em São Paulo em 1866 e faleceu aos 58 anos, em 1924.


►► Leia o Livro de Poesia "Poilhias" de Jéssica Iancoski grátis no KindleUnlimited

Desiludida (Poesia Brasileira: Vicente de Carvalho/Toma Aí Um Poema)

(Poema de Vicente de Carvalho "Desiludida")

Desiludida


Sou como a corça ferida

Que vai, sedenta e arquejante,

Gastando uns restos de vida

Em busca de água distante.


Bem sei que já me não ama,

E sigo, amorosa e aflita,

Essa voz que não me chama,

Esse olhar que não me fita.


E reconheço a loucura

Deste amor abandonado

Que se abre em flor, e procura

Viver de um sonho acabado;


E é como a corça ferida

Que vai, sedenta e arquejante,

Gastando uns restos de vida

Em busca da água distante.


Só, perdido no deserto,

Segue empós do seu carinho:

Vai se arrastando... e vai certo

Que morre pelo caminho.

Desiludida (Poesia Brasileira: Vicente de Carvalho/Toma Aí Um Poema)

Poesia Brasileira no YouTube =P

Clique no link para se INSCREVER no nosso canal no YouTube! ►►►

https://www.youtube.com/channel/UCFs5WmyZ6IJhZvxGCwgq8dA?sub_confirmation=1

Conheça o Podcast Isto não são só Poesias:

►►https://open.spotify.com/show/163N38GrKyTBAfFN2nW1hU


SIGA NO INSTAGRAM http://instagram.com/euiancoski



  • Spotify Euiancoski
  • Instagram Euiancoski
  • YouTube Euiancoski

© 2020 por Jéssica Iancoski. 

Contato

jessicaiancoski@gmail.com

EU-i | CNPJ:33.066.546/0001-02 | Curitiba, PR