• Jéssica Iancoski

Raul Coutinho de Almeida - Poema Soneto ao Doguinho | Nova Poesia

Poema de Raul Coutinho de Almeida Soneto Ao Doguinho.


Carolina Maria de Jesus foi uma escritora, compositora e poetisa brasileira, conhecida por seu livro "Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada" publicado em 1960.


Carolina de Jesus foi uma das primeiras escritoras negras do Brasil e é considerada uma das mais importantes escritoras do país. Nasceu em Minas Gerais em 1914 e faleceu em 1977, aos 62 anos.


►► Apoie o projeto! Compre o meu livro de Poemas Escolhidos por apenas 5,99 ou leia de graça no Kindle Unlimited.

https://www.amazon.com.br/dp/B08JPRLYGT/

Raul Coutinho de Almeida Soneto ao Doguinho
Soneto Ao Doguinho (Nova Poesia: Raul Coutinho de Almeida/Toma Aí Um Poema)

Poema: Soneto ao Doguinho

Autor: Raul Coutinho de Almeida

Voz: Jéssica Iancoski | @euiancoski


Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema

Soneto ao Doguinho


No campo em que eu repousar

Solitária e tenebrosa

Eu vos peço para adornar

O meu jazigo com as rosas


As flores são formosas

Aos olhos de um poeta

Dentre todas são as rosas

A minha flor predileta


Se a afeiçoares aos versos inocentes

Que deixo aqui escritos

E quiseres ofertar-me um presente

Dá-me as rosas que pedi.


Agradeço-lhe com fervor

Desde já o meu obrigado

Se me levares esta flor

No dia dos finados.

nova poesia raul coutinho de almeida
Soneto Ao Doguinho (Nova Poesia: Raul Coutinho de Almeida/Toma Aí Um Poema)

Poesia Declamada no YouTube =P

Conheça o Podcast Isto não são só Poesias:

►►https://open.spotify.com/show/163N38GrKyTBAfFN2nW1hU

SIGA NO INSTAGRAM

http://instagram.com/euiancoski


#poesiabrasileira

#novapoesia