• Jéssica Iancoski

O Menino Que Foi Engolido Por Uma Pedra - Jéssica Iancoski | Conto de Fadas Filipino

Conto de fadas filipino O Menino Que Foi Engolido Por Uma Pedra na versão de Jéssica Iancoski.


A história infantil em áudio foi gravada para o Podcast Infantil Jejéqui Lê.

Conta sobre um menino que ficou tão triste que pede para ser engolido por uma pedra.


►► Conheça o Podcast Histórias para Dormir

o menino que foi engolido por uma pedra conto de fadas filipino
O Menino Que Foi Engolido Por Uma Pedra (Conto de Fadas Filipino: Jéssica Iancoski/Jejéqui Lê)

História infantil em áudio: O Menino Que Foi Engolido Por Uma Pedra


Certa vez, em um dia de um passado distante, um menino estava sentado no quintal brincando.


— Irei fazer a melhor armadilha de pássaros que o mundo já viu! — Ele pensou.


E, enquanto ele construía a armadilha, um passarinho serelepe apareceu e cantou para o menino:


— PIU, PIU, PIU, PIU.


Ou seja: “Venha me pegar lá, lá, lá, lá, lá”, pelo menos foi o que o menino entendeu.


— Calma! Eu já vou… Estou fazendo uma armadilha para você. Você não terá nenhuma chance contra mim!


O garoto continuou construindo a armadilha, e o passarinho só piava cada vez mais alto.


— Venha me pegar, lá, lá, lá, lá, lá.


Assim que a armadilha ficou pronta, o menino correu atrás do pássaro e o capturou.


Então, ele foi para a casa, prendeu o pássaro em uma caixinha e falou bem alto para todos ouvirem:


— O pássaro que está preso aqui é meu! Eu que o capturei com a melhor armadilha de pássaros que o mundo já viu, inclusive, construída por mim! Qualquer pessoa desta residência está proibida de mexer aqui, é sério!


Mais tarde naquele mesmo dia, o garoto saiu para brincar com as outras crianças e deixou o pássaro em casa.


Enquanto ele estava fora, a avó do menino, que morava na mesma casa, ficou com fome.


Então, ela comeu o pássaro.


Só que não foi por maldade, ela já estava muito velhinha e os ouvidos dela não funcionavam mais tão bem... Ela não ouviu que não era para mexer no pássaro.


Quando o menino voltou para casa e não viu o pássaro na caixinha, ele não entendeu que havia sido um acidente e saiu novamente para a rua, batendo a porta, furioso.


Ele ficou tão triste que desejou que pudesse ir embora e nunca mais voltar.


O garoto ficou caminhando por um bom tempo, percorreu uma longa distância, até que, finalmente, encontrou uma pedra enorme que estava bem no meio do caminho e disse:


— Pedra, abra a sua boca e me coma!


Como a pedra era uma pedra bem obediente, ela abriu a boca e engoliu o menino.


Lá pelas tantas, a avó sentiu saudades do menino e saiu pela rua tentando encontrá-lo. Ela procurou em todos os lugares, na esperança de achá-lo.


A avó também caminhou por um bom tempo, percorrendo uma longa distância, até que finalmente encontrou a pedra e disse:


— Ah, aí está você!


Ela tentou abrir a pedra, mas não conseguiu. Nem batendo com força, nem jogando outras pedras na pedra, nem tentando furar.


Nada abria a pedra.


— Eu vou ficar aqui para sempre! — dizia o menino de dentro da pedra.


Então, a avó teve que ir para a casa sem o menino.


Mas no dia seguinte, o menino sentiu fome e teve que voltar para casa.


E já estava tudo bem de novo.


►►► Compre um eBook com 30 Fábulas de Esopo recontadas por apenas 5.99 para ajudar o projeto!


Conto de fadas no YouTube =P

►►Clique para se INSCREVER no nosso canal!

SIGA NO INSTAGRAM

http://instagram.com/euiancoski

http://instagram.com/podcast.historias

#historiainfantil

#literaturainfantil

#jejequile

#contodefadas

#jessicaiancoski

#folclorefilipino

#contoinfantil