• Jéssica Iancoski

Lívia Natália - Poema Sina | Poesia Afro-brasileira

Poema de Lívia Natália Sina.


Lívia Maria Natália de Souza é uma poeta e professora brasileira. Formada em Letras pela Universidade Federal da Bahia em 2002. É mestre e o doutora pela mesma instituição, onde leciona teoria literária. Estreou como autora em 2011, com Água Negra, livro premiado pelo Concurso Literário do Banco Capital. Nasceu na Bahia em 1979, atualmente tem 42 anos.


►► Apoie o projeto! E nos ajude a espalhar mais poesia

https://apoia.se/tomaaiumpoema

Livia natalia poema sina
Sina (Poesia Afro-Brasileira: Lívia Natália/Toma Aí Um Poema)

Poema: Sina

Poeta: Lívia Natália

Voz: Moema Andreia


Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema


Sina


Todo mês eu sangro.

Diversa de mim,

atravesso Águas brutas,

oceanos que me povoam bravios.

Expulso o que em mim excede

e, do que sobra,

algo se move lívido

pulsando nas sendas de meu ventre.


Quando sangro,

o animal onde moro troca de pele

por dentro,

expurgando entranhas.


Todo mês eu sangro.

Todo mês eu singro este mar,

em que me banho.

poesia afro-brasileira livia natalia
Sina (Poesia Afro-Brasileira: Lívia Natália/Toma Aí Um Poema)

Poesia Afro-Brasileira Declamada no YouTube =P

Conheça o Podcast Isto não são só Poesias: ►►https://open.spotify.com/show/163N38GrKyTBAfFN2nW1hU

SIGA NO INSTAGRAM

http://instagram.com/euiancoski

#livianatalia

#poesiaafrobrasileira

#poetisa