• Jéssica Iancoski

Gonçalves Dias - Poema Não Me Deixes! | Poesia Brasileira Declamada

Antônio Gonçalves Dias foi um poeta do romantismo brasileiro e da tradição literária indianismo.


Ele nasceu em 10 de agosto de 1823 no Maranhão.


E faleceu em 3 de novembro de 1864.

(Poema de Gonçalves Dias "Não me Deixes!"

Não Me Deixes!


Debruçada nas águas dum regato

A flor dizia em vão

À corrente, onde bela se mirava:

"Ai, não me deixes, não!


"Comigo fica ou leva-me contigo

"Dos mares à amplidão;

"Límpido ou turvo, te amarei constante;

"Mas não me deixes, não!"


E a corrente passava; novas águas

Após as outras vão;

E a flor sempre a dizer curva na fonte:

"Ai, não me deixes, não!"


E das águas que fogem incessantes

À eterna sucessão

Dizia sempre a flor, e sempre embalde:

"Ai, não me deixes, não!"


Por fim desfalecida e a cor murchada,

Quase a lamber o chão,

Buscava inda a corrente por dizer-lhe

Que a não deixasse, não.


A corrente impiedosa a flor enleia,

Leva-a do seu torrão;

A afundar-se dizia a pobrezinha:

"Não me deixaste, não!"


Escute esta poesia no YouTube!

Clique no link para se INSCREVER no nosso canal no YouTube! ►►► https://www.youtube.com/channel/UCFs5WmyZ6IJhZvxGCwgq8dA?sub_confirmation=1 ►► Conheça o Podcast Isto não são só Poesias: https://open.spotify.com/show/163N38GrKyTBAfFN2nW1hU SIGA NO INSTAGRAM http://instagram.com/euiancoski

  • Spotify Euiancoski
  • Instagram Euiancoski
  • YouTube Euiancoski

© 2020 por Jéssica Iancoski. 

Contato

jessicaiancoski@gmail.com

EU-i | CNPJ:33.066.546/0001-02 | Curitiba, PR