• Jéssica Iancoski

Fábula Pedro Bandeira - O Trabalho da Formiga | História Infantil em Áudio

O Trabalho da Formiga é uma fábula do escritor Pedro Bandeira.


A História infantil foi gravada para o Podcast para Crianças Jejéqui Lê.

Conta sobre uma formiga que é zombada pelos outros animais por ser pequeninha e fraca.


Mas com muita persistência ela consegue fazer algo que nenhum outro animal conseguiu...


O que será que foi?

►► Conheça o Podcast Histórias para Dormir: https://open.spotify.com/show/4dj4rmlTQt3wfocgvgKtYz?si=votsIzHoQomFgdoNy3PNBA



História Infantil em Áudio: O Trabalho da Formiga


A formiguinha não aguentava mais de tanta humilhação. Era pequena demais, fraquinha demais, e tudo que era bicho não se cansava de gozar a coitada!


– Mas que isca de bicho é você, formiga! – gozava a capivara.


– Pra que serve um insetinho tão pequeno? – arreliava a paca.


– Você não serve para fazer nada na vida! – provocava a cotia.


– Um bichinho desses não serve pra nada mesmo! – insultava o tatu.


Cada gozação, cada insulto, cada provocação, cada arreliação, deixava a formiga mais triste, mais desolada, mais desanimada com a sua própria fraqueza, com a sua própria pequenez.

Decidiu então realizar algo grande, alguma coisa que nenhum outro bicho pudesse fazer para calar todas as bocas que a desprezavam.


Foi e descobriu um lago imenso. A vista da formiguinha perdia-se do outro lado, sem enxergar a outra margem.


– É isso! Vou atravessar esse lago e todos vão ver do que eu sou capaz!


Corajosamente, mergulhou no lago e, depois de muito esforço, estava do outro lado.

Mas aquele “lago imenso” era apenas uma pocinha d’água!


Não desistiu, porém. Logo à frente, viu um pau compridíssimo que, na certa, era o mastro que sustentava o céu.


– Descobri! Vou roer esse pau e o céu vem abaixo. Quero ver depois quem vai me gozar, dizendo que eu não sou de nada!


Com afinco, a formiga pôs-se a roer o pau com seu ferrãozinho. Roeu, que roeu, que roeu, até que – téc! – caiu o tal “mastro que sustentava o céu”... E ela notou que aquilo não passava de um talinho à toa, incapaz de sustentar qualquer coisa!


Já desolada, a formiga olhou para um morro. Aquele morro parecia demais! Era demais. Encheu-se de ânimo e foi até lá. Arrancou um torrão de terra e carregou-o para longe.

Voltou e trouxe mais um torrãozinho. E outro, e outro, e outro...


Um dia, já estava mais que cansada, mais que velhinha, quando deu uma parada para olhar o que tinha feito durante todo aquele tempo, com todo aquele esforço, com toda aquela dedicação.


E descobriu, com orgulho, que, apesar de ser pequenina, tão fraquinha, com seu trabalho, com sua persistência, dia a dia, ela conseguira mudar a montanha inteira de lugar!"

Disponível em Biblioteca Pedro Bandeira

http://www.bibliotecapedrobandeira.com.br/pdfs/contos/trabalho_de_formiga.pdf


Fábula de Pedro Bandeira no YouTube =P


Clique no link para se INSCREVER no nosso canal! ►►► https://www.youtube.com/channel/UCFs5WmyZ6IJhZvxGCwgq8dA?sub_confirmation=1

SIGA NO INSTAGRAM

http://instagram.com/euiancoski

http://instagram.com/podcast.historias

  • Spotify Euiancoski
  • Instagram Euiancoski
  • YouTube Euiancoski

© 2020 por Jéssica Iancoski. 

Contato

jessicaiancoski@gmail.com

EU-i | CNPJ:33.066.546/0001-02 | Curitiba, PR