• Jéssica Iancoski

Divanize Carbonieri - Redoma | Poesia Contemporânea

Poema de Divanize Carbonieri - Redoma.


Divanize Carbonieri é doutora em Letras pela Universidade de São Paulo, atuando como professora de literaturas de língua inglesa na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). É uma das editoras da revista literária digital Ruído Manifesto e integra o Coletivo Maria Taquara, ligado ao Mulherio das Letras – MT. Foi indicada ao Prêmio Jabuti na categoria Conto.


►► Apoie o projeto! E nos ajude a espalhar mais poesia

https://apoia.se/tomaaiumpoema

poema divanize carbonieri redoma
Redoma (Poesia Contemporânea: Divanize Carbonieri/Toma Aí Um Poema)

Poema: Redoma

Poeta: Divanize Carbonieri

Voz: Jéssica Iancoski | @euiancoski

Use #tomaaiumpoema

Siga @tomaaiumpoema

Redoma


eu que fui sangrada pela espora

do seu coturno me rasgando as ancas

ainda trago as feridas nos flancos

a mão que tanto golpeou tenta afagar

mas afasto o retorno a qualquer pastagem

agora saiba sair da frente enquanto passo

paciência se eu não for cordata e meiga

tenho espinhos enfiados na garganta

cuspo fora alguns quando me afogo

dentro da redoma circula a pantera

sacudindo a terra com suas patas negras

se alguém bate no vidro ou na grade

ela salta cheia de dentes e garras

Divanize carbonieri poemas
Redoma (Poesia Contemporânea: Divanize Carbonieri/Toma Aí Um Poema)

Poesia Declamada no YouTube =P

Conheça o Podcast Isto não são só Poesias: ►►https://open.spotify.com/show/163N38GrKyTBAfFN2nW1hU


#divanizecarbonieri

#poesiacontemporanea

#poetisa