• Jéssica Iancoski

A Fábula da Galinha Ruiva - Jéssica Iancoski | Historinha

Fábula Infantil da Galinha Ruiva (ou Galinha Vermelha) na versão de Jéssica Iancoski.

A História Infantil em Áudio foi gravada para o Podcast Infantil Jejéqui Lê.

Conta sobre uma galinha que resolve plantar trigo para comer pão.


►► Conheça o Podcast Histórias para Dormir

Fábula da Galinha Ruiva (Fábula Infantil: Jéssica Iancoski/Jejéqui Lê)

História Infantil em Áudio: Fábula da Galinha Ruiva


Certa vez, uma Galinha Ruiva teve uma ideia brilhante: ela resolveu plantar trigo para poder comer pão.

Mas logo percebeu que seria muito trabalhoso fazer tudo sozinha, então, muito animada foi pedir ajuda aos outros animais. Ela tinha certeza que todos adorariam a ideia, pois todo mundo na da granja amava pão!

- Ei, amigos! Tive uma ideia muito boa! Vamos comer pão… Quem pode me ajudar a plantar o trigo?

- Ixi, eu tô fora. Não faz parte dos meus deveres... - falou o Porco.

- Tenho mais o que pastar - disse a Vaca.

- Pra quéeéeee? - Perguntou a Ovelha.

Todos falaram não.

Então, a Galinha foi lá e plantou o trigo sozinha.

Depois de um tempo, o trigo já estava pronto para ser colhido. E a galinha, novamente, foi pedir ajuda:

- Ei, amigos! Vamos comer pão? O Trigo cresceu! Quem me ajuda a colher?

- Ixi, eu tô fora. Não faz parte dos meus deveres... - falou o Porco.

- Tenho mais o que pastar - falou a Vaca.

- Pra quéeéeee? - Perguntou a Ovelha.

Todos falaram não.

A Galinha foi lá e colheu o trigo sozinha.

Então, finalmente chegou a hora de preparar o pão e a Galinha Ruiva, mais uma vez, foi pedir ajuda:

- Ei, amigos! Está quase! Quem me ajuda a assar o pão para comer-mos?

- Ixi, eu tô fora. Não faz parte dos meus deveres... - falou o Porco.

- Tenho mais o que pastar - falou a Vaca.

- Pra quéeéeee? - Perguntou a Ovelha.

Todos falaram não.

Então, a Galinha foi lá e assou sozinha.

Quando o pão ficou pronto… O cheirinho percorreu a granja inteira e os animais, agora, interessados, foram ver do que se tratava com água na boca.

E todos perguntaram:

- Você tem bastante pão aí, amiga! Me dá um, eu amo pão!

E a Galinha Ruiva respondeu:

- Eu não! Eu plantei, eu colhi e eu assei o pão sozinha, não tive ajuda de nenhum de vocês! Não divido, mas posso vender se vocês quiserem!

Os animais até tentaram protestar, mas foi só a galinha dizer a palavra “vender” que o fazendeiro apareceu na história, como quem mandava em tudo:

- Você tem muito pão aí! E você plantou, você colheu e você assou na minha fazenda. Nada mais justo do que eu recolher uma parte.

Dito e feito.

Depois de tanto trabalho, só tinha sobrado poucos pães para a Galinha.


Depois disso, todos se perguntaram porque ela nunca mais assou nenhum pão.


►►► Compre um eBook com30 Fábulas de Esopo recontadas por apenas 5.99 para ajudar o projeto!

Moral da História

Se quisermos dividir a recompensa, devemos compartilhar o trabalho. Isto é, se o governo não vier e tomar tudo.

Podcast Infantil no YouTube =P

Clique para se INSCREVER no nosso canal!

SIGA NO INSTAGRAM

http://instagram.com/euiancoski

http://instagram.com/podcast.historias


#historiainfantil

#literaturainfantil

#jejequile

#fabulainfantil

#jessicaiancoski

  • Spotify Euiancoski
  • Instagram Euiancoski
  • YouTube Euiancoski

© 2020 por Jéssica Iancoski. 

Contato

jessicaiancoski@gmail.com

EU-i | CNPJ:33.066.546/0001-02 | Curitiba, PR